Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Canela


Receber  Cancelar


Direção
Secretarias
Serviços
Sindicato - História
REGIMENTO E CONTRATO PARA LOCAÇÃO DO AUDITÓRIO
REGIMENTO E CONTRATO PARA LOCAÇÃO DO AUDITÓRIO
O presente Regulamento integra o Contrato de Locação do AUDITÓRIO
Regulamento para uso do Auditório do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela:
Título I: Das finalidades
Art. 1º – O Auditório do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela, localizado na Rua Padre Cacique, 659,Bairro Centro, no Município de Canela/RS, serve aos Associados do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela, particular e entidades sociais, para reuniões, festas, recepção de pessoas de suas relações, mediante locação.
Parágrafo Primeiro: O valor da Locação para Sócios será 12 % do valor do piso salarial vigente da categoria metalúrgica .
Parágrafo Segundo: O valor da Locação para não Sócios será 25 % do valor do piso salarial da categoria metalúrgica.
Parágrafo Terceiro: O Valor da Locação para particulares será 40% do valor do piso salarial da categoria metalúrgica.
Parágrafo Quarto: O Valor da Locação para outras Entidades Sociais será estipulado pela Diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela.

Título II: Da concessão e suas restrições

Art. 2º – Os interessados deverão requisitar, por escrito, a Diretoria Executiva do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela, com o mínimo de 30 (Trinta) dias, sua cessão, informando obrigatoriamente: a finalidade, a data, o horário e sujeitando-se às seguintes formalidades:
§ 1º - Será obedecida a ordem cronológica dos pedidos, tendo preferência em igualdade de data, o entre os associados requisitantes, prevalece o mais antigo.
§ 2º - O horário de uso do auditório e churrasqueiras é limitado das 8 horas até 01 hora nas 6 ª feiras, sábados e véspera de feriados e nos demais dias da semana, das 8 horas até as 23 horas.
§ 4º - O som conforme legislação municipal ( até 22h).
§5º - Não é permitido menor de idade reservar o auditório e churrasqueira;

Art. 3º - A Diretoria Executiva do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela tem poderes para negar a cessão do Auditório ou cassar a qualquer momento a licença concedida, uma vez constatado o descumprimento do regimento ou desvirtuamento da reunião ou festa.

Art. 4º - A Locação será feita mediante o pagamento adiantado do valor constante no Art. 1º, e esses parágrafos.
§ 1º - Em caso de desistência, sem motivo justificado, a critério da Diretoria Executiva, não será devolvida a taxa de locação.

Art. 5º - Os Requisitantes não poderão levar utensílios do Auditório em hipótese alguma.
§ 1º - O requisitante não poderá utilizar a garagem, esta não faz parte da locação.
§ 2º - Em casos de decorações especiais, o locador não poderá utilizar pregos, alfinetes, cola quente ou percevejos para a fixação de balões, faixas ou qualquer outro tipo de adereço de enfeite.
§ 3º - Não é permitida a utilização ou permanência, por convidados, bem como a ocupação de outras áreas da Entidade Sindical, que não façam parte do salão de festas e churrasqueira, tais como: hall de acesso social e de serviço, e parte administrativa da Entidade Sindical. o responsável deverá cuidar para que não haja aglomeração de seus convidados na frente destes locais e do edifício.
§ 4º- São proibidas atividades e comportamentos que comprometam o decoro e o bom nome da Entidade Sindical, tais como agressões, ofensas, palavras de baixo calão ou cunho chulo, brigas, etc., ficando o responsável pela reserva do espaço de cuidar para que isso não ocorra, sendo que em caso de desobediência a essas normas, fica o mesmo sujeito as multas previstas neste regimento e estatuto da entidade, que serão aplicadas pela administração, em de acordo com a gravidade das ocorrências
§ 5º - Não é permitido o uso descontrolado de bebidas alcoólicas, bem como o uso de quaisquer outras substâncias não permitidas por lei, evitando assim desordens incontroláveis.
§ 6º - É proibido mexer e deslocar os móveis e instalações fixas do local.
§ 7º - Serão proibidas as atividades esportivas nas dependências do Salão.

Art. 6º - O aluguel terá um intervalo de um dia antes e depois.
Art. 7º - A Diretoria Executiva através de seu: Diretor Presidente, Secretário Geral ou Secretário de Finanças, ou outro Diretor por estes indicados, terá o direito de comparecer ao local, durante o horário cedido verificando o cumprimento deste Regulamento.

Título III – Da responsabilidade do requisitante.

Art. 7º - Toda e qualquer responsabilidade moral e material, resultante da cessão dessa dependência, dentro ou fora dela no prédio, recairá sobre o requisitante, devendo, portanto, ser considerado o comportamento dos presentes.
§ 1º - A permanência do requisitante no local, durante o horário cedido, é obrigatória.

Art. 8º - O requisitante informará a Diretoria Executiva: o Número de participantes no evento, os objetos que serão usados e mediante a um dos membros da Diretoria executiva ou funcionário fará a conferência do local e a contagem dos objetos que serão locados.

Art. 9º - Quando da devolução da chave para a Diretoria executiva ou funcionário será previamente acordada e neste momento será conferida a devolução dos objetos e as condições do local, quanto à limpeza, arrumação e existência de danos: será responsabilizado por qualquer irregularidade encontrada, devendo saná-la dentro de prazo determinado pela Diretoria Executiva do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela.

Art. 10º - Qualquer REQUISITANTE que venha a desrespeitar este Regulamento ficará sujeito à suspensão do direito ao uso do Auditório do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela pelo prazo de 12 meses. No caso de recusa a pagar danos materiais causados durante a sessão, terá suspenso seu direito até que indenize o dano causado.

Art. 11º - Nenhum REQUISITANTE poderá invocar desconhecimento de qualquer item deste regulamento, que será considerado perfeitamente conhecido por todos aqueles que fizerem a solicitação do uso do local.

Art. 12º - Os casos omissos serão resolvidos pela Diretoria Executiva do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela e deverão ser respeitados pelo requisitante os itens do Regulamento Interno no que lhe for atinente.

Termo de Reserva de Ambiente – Auditório


“Eu............................................................., sócio/a( ), Não sócio/a( ) do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela, residente na rua...............................................,nº ........... no Município de ................................./RS solicito a reserva do Auditório do Sindicato dos Metalúrgicos de Canela, para minha utilização no dia ........de..................................... de20...., no horário ..........., das..........às............horas, com a finalidade de................................................................... ......................................................................... contando com a presença de cerca de................. (nº) aproximado de convidados.

Declaro que é de meu pleno conhecimento a íntegra do Regulamento para uso das dependências e do valor da taxa que pagarei antecipadamente. Assim sendo, assumo a responsabilidade de cumprir as devidas normas neles
contidas, por mim e por meus convidados, zelando pelo bom uso das dependências e acesso.

Autorizo, também, que quaisquer danos causados na áreas comuns utilizadas, bem como aos móveis, pintura das paredes, vidros e objetos de uso, sejam cobrados em pagamento extras a taxa de locação.

Declaro também, estar ciente de que a taxa de locação, não esta inclusa os eventuais danos utilização do salão de festas e assim, caso ocorra danos ou perda de objetos, será cobrada a taxa adicional correspondente ao dano.”

Valor da locação: R$ ..............................................................

Para maior clareza, firmo o presente termo de reserva de ambiente.

Canela,..........de................................de 20........

.................................................................................

(Assinatura do Requisitante)




Sindicato dos Metalúrgicos-Rua Padre Cacique,659. Canela/RS.CEP:95680-000 Fone:(0xx54) 3282 3093
Site da Central Única dos Trabalhadores Site da CNM Retorna a página principal